A primeira vez a gente nunca esquece

Rafael Juriti conquista primeira vitória como atleta profissional do XTERRA e mostra potencial para seguir evoluindo

18_XTERRA_OURO_PRETO_DUATLHON20Rafael Juriti no momento de sua primeira vitória como profissional no XTERRA. Foto: Thiago Lemos

Rafael Juriti começou no mundo dos esportes off-road aos 9 anos. Triatleta, Rafael participa das provas do XTERRA desde 2014, ano em que estreou na etapa de Poços de Caldas. MTB, triathlon, trail run… a fera já marcou presença em todas as modalidades, mas foi no duathlon do XTERRA Camp Ouro Preto que alcançou a glória: primeiro lugar na elite de profissionais.

Nascido e criado em Belo Horizonte, Juriti já dominava o percurso devido à proximidade com Ouro Preto e aos inúmeros treinamentos realizados. “Subida é o meu forte, eu esperava me sair bem, estava nos planos ficar entre os líderes, mas a primeira vitória no profissional é sempre uma surpresa emocionante”, declarou o atleta, de 34 anos de idade.

A rota de Ouro Preto já havia concedido a Juriti o primeiro lugar geral (categoria amador) no ano passado. A segunda colocação em Praia do Forte, conquistada em junho deste ano, na Bahia, garantiu o desconto que Rafael queria para se inscrever no Camp da cidade histórica. A vitória em solo mineiro motivou ainda mais o triatleta para a etapa XTERRA Lagoa dos Ingleses, que será realizada em 21 e 22 de julho, em Nova Lima.

“Do ladinho de casa. Não tem como deixar de ir”, disse Juriti, que aproveitou para deixar um recado aos aventureiros de plantão: “O XTERRAé um evento bem organizado, vale muito a pena e cada edição é um espetáculo à parte Onde mais você pode encontrar todas as modalidades num único lugar?  O XTERRA é a essência do esporte off-road”, declarou o belo-horizontino, que é um dos fortes candidatos a ícone do XTERRA nos próximos anos. Um título de ranking ainda virá!