39.0481, -77.4728
  • 20 e 21 de outubro

    Camp Praia do Rosa

    Imbituba – SC

    -28.226547, -48.668486 Inscreva-se Saiba Mais
  • 10 e 11 de novembro

    Camp Ilha do Mel

    Ilha do Mel – PR

    -25.517005, -48.334969 Inscreva-se Saiba Mais
  • 01 e 02 de dezembro

    PARATY

    Paraty - RJ

    -23.212859, -44.711337 Inscreva-se Saiba Mais
  • 9 e 10 de Fevereiro

    Costa Verde 2019

    Mangaratiba - RJ

    -22.949793, -44.074256 Inscreva-se Saiba Mais
  • x
  • Descontos
  • Cadastro feito com sucesso!

    OK
    x

    Cadastre-se e fique
    por dentro do mundo XTERRA!

    Quais as suas modalidades de interesse?

    x

    Fale conosco!

    Sua mensagem foi enviada com sucesso!

    XTERRA Costa Verde irá celebrar amor aos esportes off-road e o Dia dos Pais, em agosto

    16_XTERRA_COSTA_VERDE_SABADO_TRIATHLON (113)A cidade de Mangaratiba, situada a cerca de 85 quilômetros da capital Rio de Janeiro, recebe entre os dias 12 e 13 de agosto mais uma edição do XTERRA Brazil Tour. A etapa Costa Verde contará com muitas novidades e um cenário único. Entre as modalidades programadas para uma das mais movimentadas edições do circuito, estão: Night Short XTERRA, XTERRA Half Trail Run, XTERRA Short Trail Run, XTERRA Night Swim Challenge 1,5km /3km, XTERRA Endurance 50km, XTERRA MTB Cup XCO Pro e XTERRA Kids.
    A etapa Costa Verde 2017 terá, ainda, uma particularidade. O evento, que é dividido em dois dias (sábado e domingo), terá algumas provas sendo disputada no Dia dos Pais. Esta será uma excelente oportunidade para atletas e familiares prestigiarem mais uma edição do XTERRA Brazil Tour com muita alegria, disposição e harmonia. Além dos competidores do XTERRA MTB Cup XCO Pro, os pais terão a oportunidade de assistir, no dia 13 de agosto, o início da trajetória esportiva de seus filhos no XTERRA Kids, prova desenvolvida exclusivamente crianças de 1 a 13 anos.
    Em 2016, o XTERRA Costa Verde foi contemplada por dias lindos e presença de grande público. Centenas de pessoas lotaram as dependências do Portobello Resort e Safari para desfrutar de toda a atmosfera produzida pelo maior festival de eventos off-road do mundo. Entre os maiores destaques daquela edição, tivemos Felipe Moletta e Sabrina Gobbo, campeões do XTERRA Triathlon Elite, Rildo Ribeiro e Geisla dos Santos, vencedores do XTERRA Half Trail Run, dentre outros.

    Destaque do XTERRA Endurance, Rosália Camargo garante presença na etapa de Costa Verde

    16_XTERRA_COSTA-VERDE_SABADO_50KM (77)Conhecida por levar os atletas ao limite e ser uma das modalidades mais duras do XTERRA Brazil Tour, a XTERRA Endurance 50km ainda não teve sua estreia oficial na temporada 2017, mas já vem gerando muita expectativa entre os competidores. Em 2016, a prova foi bastante movimentada e contou com nomes de muito destaque no cenário nacional, casos de Iazaldir Feitoza, Rosália Camargo e Vera Saporito.
    Multicampeã do XTERRA Brazil Tour, Rosália Camargo deve participar do evento pela primeira vez neste ano na etapa de Costa Verde, marcada para os dias 12 e 13 de agosto, em Mangaratiba (RJ). Com vasta experiência em competições internacionais, ela coloca a prova no Rio de Janeiro como uma de suas favoritas.
    “O XTERRA Costa Verde é muito especial para mim. Já disputei provas lindas em vulcões, praias desertas e lugares paradisíacos, mas essa prova de Mangaratiba vai ser sempre uma lembrança de superação e alegria. Foi a primeira vez em que corri à noite e a primeira vez que corri 50km!! Com certeza, é uma das minhas provas favoritas aqui no Brasil, com uma organização impecável”, comentou.
    O percurso desafiador faz com que os atletas tenha que estar preparados para condições adversas. Há anos militando em ultra maratonas, Rosália sabe bem do que é necessário para fazer uma boa prova e, por isso, faz um alerta aos atletas que pretendem iniciar sua trajetória em Costa Verde.
    “Não tenho muita experiência em treinamento, já que sou arquiteta. Mas eu, antes de fazer esses 50km, já tinha feito seis vezes o Ironman, umas dez maratonas de asfalto e três maratonas em trilhas. Acho que é importante estar treinado e buscar orientação correta, pois uma prova de Trail Run tem características bem distintas das provas de rua. É essencial o atleta estar fisicamente e psicologicamente preparado”.
    Com pouco tempo para fazer seus treinamentos por conta da jornada de trabalho e a rotina familiar, ela conta que precisa desdobrar. “Tenho mantido minha rotina de treinos, sempre indo e voltando do trabalho correndo. Coloco muito volume com essa rotina diária. Nos finais de semana, foco em treinos mais específicos nas trilhas e nas subidas. Nos próximos dias tenho uma competição de 32km, já me preparando para os 50km do XTERRA Costa Verde, em agosto”, concluiu.
     

    Campeã do XTERRA Swim Challenge em 2016, Beatriz Puciarellii fará estreia na temporada em Costa Verde

    111111111Campeã do ranking feminino do XTERRA Swim Challenge no ano passado, Beatriz Puciarelli ainda não fez sua estreia na atual temporada. Dona de uma rotina atribulada, a carioca, que faz faculdade e se dedica à natação, projeta sua primeira participação no XTERRA Brazil Tour 2017 para a etapa de Costa Verde, prevista para os dias 12 e 13 de agosto, em Mangaratiba (RJ).
    Com 100% de aproveitamento em 2016, Beatriz foi um dos grandes destaques do XTERRA Brazil Tour no último ano. Cheia de vontade para recuperar o tempo perdido, ela confessa que não teria oportunidade melhor para estrear do que em Costa Verde, sua etapa preferida.
    “Estou bem empolgada e ansiosa para etapa de Costa Verde. Já estou acostumada a nadar essa prova, mas a cada ano que passa sinto uma emoção diferente, pois sou apaixonada por aquele lugar. Eu adoro todas as etapas do XTERRA Brazil Tour, mas essa, em especial, tem um significado maior para mim, já que foi lá que nadei minha primeira prova no evento há algum tempo atrás e venci”, comentou.
    Apesar da pouca idade, a nadadora já possui bastante experiência com provas em mar aberto. Se a competição em Mangaratiba já a motivaria por ser sua estreia na atual temporada, o fato de ser uma prova noturna surge como um atrativo a mais para fazer bonito.
    “Quando soube que a prova seria noturna fiquei ainda mais entusiasmada, sempre digo o quanto eu amo nadar à noite. É uma sensação incrível ser guiada por apenas as luzes das boias, sem contar na iluminação das tocas dos atletas que deixam a prova ainda mais bonita. Somos tomados pela empolgação de estar ali, cheios de vontade de nadar e completar a prova, é inexplicável. Como costumo falar, peixe que é peixe nada sob a luz do sol e sob a luz da lua”, concluiu.

    Atleta de 56 anos surpreende os mais novos e vence XTERRA Night Short Run

    17_xterra_ilhabela_thiagolemos_5

    A longevidade no esporte tem sido alvo de constantes debates. Não são raros os casos de pessoas que vêm conseguindo obter um desempenho acima da média, mesmo estando com uma idade relativamente avançada para os padrões de alto rendimento. A etapa do XTERRA Brazil Tour disputada neste fim de semana, em Ilhabela (SP), provou que a idade é apenas um número e nem sempre pode ser tomada como base para apontar favoritos.

    Dentre muitos destaques da etapa, João Alves de Araújo surgiu como uma grata surpresa ao vencer a corrida noturna. A surpresa, no entanto, não se dá pelo resultado em si, mas pela faixa etária do competidor. Aos 56 anos e com idade para ser pai de uma série de atletas, João da Ilha, como é popularmente conhecido na região, venceu a prova com autoridade, chegando com mais de um minuto de vantagem (41m50s) para o segundo colocado Reginaldo Vieira, de 29 anos.

    O paulista conta que não há nenhum grande segredo para manter-se bem preparado com mais 50 anos. Com 35 anos de experiência nas corridas, ele atribui seu bom momento ao prazer pelo esporte.

    – Eu sou um cara que me cuido muito. Corro há 35 anos ininterruptamente. Procurei sempre me cuidar bastante para conseguir longevidade na vida esportiva. Corro por prazer, não para disputar nada. Acho que pelo fato de fazer por diversão tem dado muito certo. Espero seguir assim por bastante tempo – disse.

    Empolgado com a vitória, João da Ilha fala em voltar a competir no evento ainda neste ano. Atleta e líder de um grupo de corridas em Ilhabela (SP), ele também fala sobre as dificuldades encontradas para competir fora da sua cidade natal.

    – Eu tenho o plano de participar de outras edições do XTERRA Brazil Tour, afinal participo do evento há mais de dez anos. É algo que gosto de fazer e procuro passar a todos. Temos um grupo excelente de corredores na cidade, mas encontramos dificuldades para conseguir condução para disputar provas em outros locais. Espero que isso seja resolvido e possamos disputar competições Brasil afora – concluiu.

    Antônio Gonçalves confirma favoritismo e conquista vaga para XTERRA Trail Run World Championship

    7
     
    Voando baixo em 2017, Antônio Gonçalves confirmou seu favoritismo e venceu o XTERRA Half Trail Run na etapa Brazil, disputada nos últimos diass 13 e 14 de maio, em Ilhabela (SP). A quarta vitória seguida do mineiro fez com que ele disparasse ainda mais na liderança do ranking anual da modalidade. Além de conquistar um resultado importantíssimo para o decorrer de sua temporada, o atleta ainda faturou uma vaga para XTERRA Trail Run World Championship, que será disputado no próximo mês de dezembro, no Havaí.
    Contente por subir no lugar mais alto do pódio mais uma vez, Antônio falou sobre as dificuldades encontrada ao longo dos 21km de corrida. Segundo ele, a prova foi bem técnica e um problema na coxa próximo ao fim da corrida fez com que tivesse que dar um “último gás” para ser campeão.
    “Foi uma ótima prova, com uma boa marcação e o percurso bem técnico com alguns trechos bem difíceis. A minha maior dificuldade aconteceu no quilômetro 16 da prova, quando minha coxa travou. Tive que reduzir um pouco a velocidade para não prejudicar mais. No entanto, ao mesmo tempo sabia que não poderia ‘segurar’ demais, já que competidores muito competentes estavam disputando a prova”, analisou.
    “Essa classificação era minha primeira meta para a temporada. Agora que consegui vou correr atrás de formas de me deslocar até o Havaí. Vou focar em arrumar patrocínios e fazer rifas para levantar fundos. Quero chegar lá com 100% da minha condição física. Mas, antes disso, vou seguir muito focado nas próximas etapas do XTERRA Brazil Tour para vencer o ranking 2017 do XTERRA Half Trail Run.

    Sabrina Gobbo brilha e conquista dobradinha na etapa Brazil, em Ilhabela (SP)

    17_XTERRA_ilhabela_thia(91)
    Um dos maiores destaques do XTERRA Brazil Tour na atualidade, Sabrina Gobbo mostrou mais uma vez o motivo de merecer tantos aplausos com uma excelente performance no último fim de semana. Não bastasse a vitória no XTERRA Triathlon, a paulista também ficou com a vitória do XTERRA MTB Cup Elite Feminino, em Ilhabela (SP). Além de alcançar o pódio em duas oportunidades, ela conquistou ainda o direito de disputar o XTERRA World Championship Tour, que será realizado no mês de outubro, no Havaí.
    A vitória na etapa Brazil, principal edição no calendário do XTERRA Brazil Tour, deixou Sabrina extremamente satisfeito. Segundo ela, a mudança de percurso fez com que a competição ficasse mais difícil e disputada.
    “Foi uma prova que mudou bastante em relação aos outros anos. Ficou um percurso mais duro e mais travado. Achei que ficou muito bacana, gostei demais. Particularmente, curti bastante o trecho do mountain bike, já que no singletrack eu peguei bem menos gente do que nos outros anos. Só enlameou um pouco a bike (risos)”, comentou.
    Campeã do ranking do XTERRA Triathlon em 2016, Gobbo disse estar muito motivada por uma boa performance em Ilhabela. Além de recompensar os treinos exaustivos, ela acredita que a vitória na última etapa serviu para dar ainda mais emoção para o restante da temporada.
    “Estava muito focada para ir bem nessa prova. Treinei bastante e sabia que precisava conquistar uma boa colocação. Acho que agora a tendência é que a luta pelo título do ranking fique ainda mais disputada. Isso dará mais emoção às competições até o fim do ano”, finalizou.

    Estreando no XTERRA Brazil Tour 2017, Felipe Moletta fatura título do XTERRA Triathlon Elite, em Ilhabela (SP)

    4
    Há anos figurando entre os atletas de maior de maior destaque do XTERRA Brazil Tour, Felipe Moletta estreou com o pé direito na competição neste fim de semana. Apesar de ter participado de etapa internacionais do XTERRA, o triatleta ainda não havia competido em território nacional. Quis o destino que sua primeira participação em 2017 fosse na etapa mais importante do ano. Experiente, ele não ligou para a pressão que envolvia a prova, venceu e levou para a casa a vaga para o XTERRA World Championship, que acontece em outubro, no Havaí.
    Feliz com o resultado, o paranaense fez questão de destacar as dificuldades encontradas ao longo da prova. Segundo ele, as alterações feitas pela organização no percurso tornaram a prova ainda mais difícil e prazerosa.
    “Foi uma prova bastante dura. Fiz quase 20 minutos a mais do que no ano passado. Gostei muito do percurso, principalmente da corrida. Ficou muito bacana e me senti muito bem. Sem dúvidas, foi uma das melhores provas que eu já fiz durante a minha carreira. A organização do XTERRA Brazil Tour está de parabéns”, comentou.
    Em ritmo intenso de preparação desde o fim do ano passado, Moletta teve que superar competidores de alto nível em sua primeira participação no XTERRA Brazil Tour 2017. Mesmo assim, ele mostrou o motivo de brilhar por tanto tempo no festival e não deu chances aos adversários.
    “Me senti bem e consegui correr em praticamente todo o percurso, até mesmo nas subidas mais inclinadas. Tinha muita gente boa disputando essa prova, isso tornou minha vitória ainda mais valorosa. Tive que fazer força o tempo todo e superar os meus limites. Espero que o resto da temporada também siga este caminho”, concluiu.

    Com show de atletas brasileiros, etapa mundial do XTERRA Brazil Tour agita Ilhabela (SP)

    6A cidade de Ilhabela (SP) recebeu neste fim de semana,13 e 14 de maio, mais uma edição do XTERRA Brazil Tour. Principal competição no calendário do festival, a etapa Brazil, que faz parte do XTERRA World Tour e XTERRA Pan American Tour, reuniu atletas de várias nacionalidades e teve um show de aventura e superação. Ao todo, mais de 50 vagas foram distribuídas para o XTERRA World Championship e o XTERRA Trail Run World Championship, que serão disputados no Havaí em outubro e dezembro, respectivamente.
    Principal atração da etapa Brazil, o XTERRA Triathlon correspondeu às expectativas e reuniu alguns dos melhores atletas do mundo para uma disputa incrível no litoral paulista. Entre os homens, Felipe Moletta provou que veio forte para mais uma temporada. O paranaense teve como principais adversários o neozelandês Kieran McPherson e o paulista Diogo Malagon. Apesar de ter saído da água atrás de McPherson, Moletta buscou forças para passar o gringo e deixar o título no Brasil. Já na prova feminina, o destaque ficou por conta de Sabrina Gobbo. Multicampeã do XTERRA Brazil Tour, ele imprimiu um ritmo forte e chegou à frente de Laura Dias e Isabella Ribeiro, que ficaram na segunda e terceira colocação, respectivamente.
    Outra marca registrada do evento, as provas de Trail Run levantaram o público presente na Arena montada na Praia do Perequê. No XTERRA Half Trail Run, Antônio Gonçalves e Geisla dos Santos confirmaram o favoritismo, venceram a prova e, de quebra, classificaram-se para o XTERRA Trail Run World Championship. Em uma das provas mais animadas do fim de semana, centenas de competidores largaram para o XTERRA Short Night Run. A competição não poderia ter sido melhor para o povo de Ilhabela, visto que dois atletas locais se sagraram campeões. No feminino, Geisla dos Santos conquistou a dobradinha. Entre os homens, João da Ilha, de 56 anos, não tomou conhecimento de atletas muitos mais jovens e cruzou a linha de chegada na primeira colocação.
    Além de receber os atletas do XTERRA Triathlon, as águas de Ilhabela também serviram como palco da disputa do XTERRA Swim Challenge 1,5km/3km. Cheios de disposição, os nadadores pularam na água dispostos a baixar seus tempos e proporcionar boas disputas. Na prova mais longa, as vitórias ficaram com Artur Pedroza, no masculino, e Thaís Fernandes, no feminino. Já no XTERRA Swim Challenge 1,5km,as primeiras colocações ficaram com Patrick Winkler e Luciana de Almeida.
    No domingo, as provas de mountain bike tomaram conta das ruas e trilhas da cidade. Competidores de três modalidades deram a largada para o tão almejado título da competição. No XTERRA MTB Cup Elite, Bruno Martins e Sabrina Gobbo, que já havia conquistado o título do XTERRA Triathlon Elite no sábado, ficaram com a primeira colocação geral. Voando baixo, os ciclistas do XTERRA MTB Cup Sport fizeram uma prova para lá de acirrada. Paulo Fretes, entre os homens, e Erica Vicente, entre as mulheres, subiram no pódio para receber o título máximo da competição.
    A etapa Brazil também marcou a estreia do XTERRA MTB Enduro na temporada 2017. Os fortes ventos que chegaram à cidade no domingo tornaram o campeonato ainda mais veloz e emocionante para os participantes. O espírito aventureiro esteve mais presente do que nunca e os atletas saíram muito satisfeitos da disputa. Luciano Mattioli e Patricia Loureiro ficaram no topo da classificação na primeira edição da modalidade neste ano.
    A etapa Brazil, uma das 12 etapas programadas para o XTERRA Brazil Tour 2017, que é apresentado pelo Sesi, agradou em cheio a todos, recebeu competidores de países como Argentina, Chile, México e Nova Zelândia e coroou atletas brasileiros como grandes campeões da edição. As crianças também tiveram espaço no evento e fizeram a alegria das mamães que comemoraram o seu dia com muito esporte e contato com a natureza.
    Etapa Brazil – XTERRA Brazil Tour 2017

    Data: 13 e 14 de maio de 2017
     
    Resultados: http://xterrabrasil.com.br/tour-2017/resultados-xterra-brazil/#1494599568615-b8e9c51f-c8ef

    Com destaques internacionais, Ilhabela (SP) será capital dos esportes off-road neste fim de semana

    16_XTERRA_BRASIL_TRIATHLON_SABADO (31)
    Maior festival de esportes off-road do planeta, o XTERRA Brazil Tour realiza neste fim de semana, em Ilhabela (SP), sua edição mais importante em 2017. Cercada de muita expectativa por parte dos amantes de aventura, a etapa Brazil, que faz parte do XTERRA World Tour, vai receber atletas de todo o mundo para dias de superação e adrenalina lá no alto. Ao todo, competidores de oito modalidades terão oportunidade de mostrar que estão prontos para encarar os desafios que serão impostos nos dias 13 e 14 de maio. As crianças também marcarão presença com a prova kids, com percursos personalizados para jovens de 1 a 13 anos.
    Desde 2005 caminhando lado a lado, o município de Ilhabela e o XTERRA Brazil Tour estão prontos para mais grande ocasião, onde o esporte e a natureza ficarão em absoluto destaque. Muitos atletas internacionais participarão da prova. Se no ano passado o espanhol Albert Soley brilhou conquistando duas vitórias na etapa, nesta temporada são grandes as possibilidades de temos novos competidores internacionais brilhando.
    Kieran McPherson é um desses atletas que vêm de longe para tentar um lugar de sol no Brasil. O neozelandês, de 25 anos, tem vasta experiência internacional, mas confessa estar ansioso para a sua primeira prova em território brasileiro.
    “Estou ansioso para começar a minha jornada no XTERRA Pan American Tour 2017, no Brasil. Vai ser a minha primeira experiência no país e não tenho certeza do que esperar da corrida. Olhando para a elevação dos mapas de percurso, parece que será um dia bem desafiador. Estou com uma expectativa muito grande para retornar a um clima quente e úmido”, declarou o atleta que vai competir no XTERRA Triathlon Elite Masculino.
    Além de abrigar a já tradição qualificatória – vagas destinadas aos 50 primeiros do XTERRA Triathlon – do XTERRA World Championship, programado para o dia 29 de outubro na Ilha de Maui, no Havaí, a competição irá classificar os cinco primeiros colocados, masculino e feminino, mais os campeões de cada faixa etária do XTERRA Half Trail Run para o XTERRA Trail Run World Championship, 21km, que irá ser disputado no dia 3 de dezembro na Ilha de Oahu, também no Havaí.
    O XTERRA Brazil Tour, que tem 12 edições planejadas para esta temporada e é apresentado pelo SESI, iniciou suas atividades em 2017 na cidade de Conceição do Ibitipoca, interior de Minas Gerais, e passou Ipatinga (MG) e Barra Grande (BA), antes de chegar a Ilhabela (SP) para a etapa mundial.
    XTERRA Brazi – Ilhabela (SP)
    Data: 13 e 14 de maio – Temporada 2017
    Local: Ilhabela (SP)

    Nota de esclarecimento: O retorno à selva foi adiado

    comunicado_amazonia
     A organização do XTERRA Brazil Tour vem, por meio desta nota, informar que a etapa Amazônica, previamente agendada para julho, será adiada por motivos de força maior. A competição não poderá mais ser realizada no ano vigente por razões logísticas.
    Lamentamos este fato diante da grande expectativa de nossos atletas em torno desta edição. Gostaríamos de reafirmar nosso compromisso com a segurança e o bem-estar de todos os envolvidos neste evento. Trabalhamos incessantemente para proporcionar uma experiência única, inesquecível aos nossos atletas, parceiros e prestadores de serviços e não abrimos mão disso.
    Desde já agradecemos a compreensão e o apoio de todos.
    MENU