Cupuaçu é bom para melhorar saúde dos ossos e prevenção cardiovascular

Resultado de imagem para cupuaçu
Por Eu Atleta:
Muito encontrado em casas de sucos e feiras de rua, o cupuaçu é um fruto típico da amazônia e região norte do Brasil. Altamente nutritivo, é uma ótima fonte de carboidratos, fibras, flavonoides, carotenoides, vitaminas do complexo B (tiamina, riboflavina e niancina), vitamina C e minerais, como o ferro, cálcio e fósforo. A nutricionista Cristiane Perroni, especialista do Eu Atleta, citou alguns benefícios do cupuaçu para a nossa saúde. Que tal incluir na sua dieta semanal, hein?
– Prevenção cardiovascular (redução do colesterol ruim, aumento do bom e protege as artérias)
– Estímulo do sistema imunológico (melhora as defesas do corpo)
– Prevenção ao envelhecimento precoce (ajuda a combater os radicais livres)
– Saúde óssea e dentária (E também de ligamentos e tendões)
– Alto potencial antioxidante (prevenção de tumores)
O fruto pesa em média 1,2kg e contém 43% de casca, 38,5% de polpa, 17,19% de semente e 2,85% de placenta. A polpa comestível é de coloração amarela ou esbranquiçada, o sabor é ácido e o aroma forte. Pode ser consumido na forma de suco, cremes, doces, geleias, balas, vitaminas e outras preparações culinárias. A semente do cupuaçu possui grande semelhança botânica e química com a semente de cacau, podendo ser utilizada na fabricação de produtos similares ao chocolate.
Tudo que tem de bom no cupuaçu:
Tiamina: atua no metabolismo dos carboidratos e na condução do impulso nervoso. Sua deficiência está relacionada com alteração no sistema nervoso e cardiovascular.
Riboflavina: atua no metabolismo de carboidratos, ácidos graxos e aminoácidos.
Niacina: está relacionada ao metabolismo energético, participa como coenzima de várias reações químicas. Sua deficiência está relacionada a doenças neurológicas, depressão, lápsos de memória.
Ferro: constituinte da mioglobina e hemoglobina (permitindo o transporte de oxigênio dos pulmões para todas as células/tecidos e, principalmente, para os músculos), faz parte da composição de várias enzimas envolvidas na respiração celular e essencial para a proliferação de linfócitos células de defesa. Atua também na manutenção o sistema imunológico.
Cálcio: manutenção da saúde óssea e dentária, prevenção da osteopenia e osteoporose, atua na contração muscular, coagulação sanguínea e transmissão do impulso nervoso.
Fósforo: assim como o cálcio também participa na formação dos ossos e dentes, participa no metabolismo de carboidratos e na contração muscular.
Vitamina C: possui alto potencial antioxidante como “varredor” de radicais livres atuando no sistema imunológico e prevenção de doenças cardiovasculares, potencializa a absorção do ferro não-heme (de origem vegetal), envolvida no processo de cicatrização, fraturas, contusões e sangramento de gengivas.
Flavonoides: potente antioxidante atuando preventivamente no sistemas imunológico, circulatório, cardiovascular e nervoso.
Carotenoides: aumenta a resposta imunológica e reduz o risco de Doenças Crônicas Não Transmissíveis, como câncer e doença cardiovascular e prevenção da cegueira noturna e melhora da acuidade visual.
Fonte: (http://globoesporte.globo.com/eu-atleta/nutricao/noticia/2017/03/cupuacu-e-bom-para-melhorar-saude-dos-ossos-e-prevencao-cardiovascular.html)