39.0481, -77.4728
  • 20 e 21 de outubro

    Camp Praia do Rosa

    Imbituba – SC

    -28.226547, -48.668486 Inscreva-se Saiba Mais
  • 10 e 11 de novembro

    Camp Ilha do Mel

    Ilha do Mel – PR

    -25.517005, -48.334969 Inscreva-se Saiba Mais
  • 01 e 02 de dezembro

    PARATY

    Paraty - RJ

    -23.212859, -44.711337 Inscreva-se Saiba Mais
  • 9 e 10 de Fevereiro

    Costa Verde 2019

    Mangaratiba - RJ

    -22.949793, -44.074256 Inscreva-se Saiba Mais
  • x
  • Descontos
  • Cadastro feito com sucesso!

    OK
    x

    Cadastre-se e fique
    por dentro do mundo XTERRA!

    Quais as suas modalidades de interesse?

    x

    Fale conosco!

    Sua mensagem foi enviada com sucesso!

    Sabrina Gobbo comemora título do ranking 2016: “Valeu a pena”

    16_xterra_camppr_percurso_domingo_-61
    Que Sabrina Gobbo é um dos rostos mais conhecidos do XTERRA Brazil Tour ninguém duvida. Também pudera. Dona de um calendário apertadíssimo com provas nacionais e internacionais – além de competir no XTERRA Brazil, ela participou de diversas provas do circuito Pan-Americano do XTERRA, a paulista conquistou no último fim de semana, durante o XTERRA Camp Paraná, o título do ranking anual do evento. O resultado não chega a ser novidade, visto que Gobbo é uma das triatletas mais vencedoras do país.
    Satisfeita com o seu desempenho, Sabrina fala sobre a sensação de vencer novamente o circuito. Mesmo com três títulos conquistados no XTERRA Brazil, ela garante que não existe mágica, mas, sim, treinamentos puxados e muita força de vontade.
    “A sensação de ser campeã é ótima. É a terceira vez que venço o ranking anual do XTERRA Triathlon e não quero parar por aí. Eu já havia vencido pela pontuação, mas tinha que cumprir uma etapa “Camp”. Valeu muito a pena. Foi um evento muito legal, uma coisa diferente e eu consegui me sentir muito bem durante a prova. Deu tudo certo e fui coroada com a vitória. Não existe uma receita de bolo para os resultados aparecerem. É necessário muita determinação e foco nos treinamentos específicos”, disse.
    Submetida a uma cirurgia no nariz na última semana, ela garante que o ano de competições foi encerrado. Preocupada em descansar e recuperar-se do procedimento cirúrgico, Gobbo não tem pressa em projetar o ano de 2017.
    “Esse ano eu não vou mais competir. Já entrei de férias (risos). Programei tudo isso, também por conta de uma cirurgia que eu tive que ser submetida – Sabrina quebrou o nariz em uma prova em 2015 -, mas pretendo estar presente na etapa de Juiz de Fora para confraternizar com os outros atletas. Agora o importante é conseguir uma boa recuperação e ir voltando aos poucos à rotina norma visando a próxima temporada de competições”.
    16_xterra_brasil_campeo%cc%83es_sabado-2

    (Sabrina Gobbo em ação no XTERRA BRAZIL TOUR 2016)

    Dentre todas as etapas de 2016, que termina em Juiz de Fora, nos dias 12 e 13 de novembro, Sabrina Gobbo escolheu duas como as mais especiais, por motivos completamente distintos.
    “A temporada 2016 do XTERRA Brazil foi muito bacana. São muitas etapas emocionantes para os atletas. No entanto, destaco duas: a primeira de Ilhabela, já que tinha acabado de perder meu pai. Era muito importante para mim vencer aquela etapa, não só pela pontuação no campeonato, mas também para dedicar a ele, que estava na etapa de Ilhabela em 2015. Outra que marcou bastante foi a etapa de Estrada Real. Eu cheguei até a pensar em não largar, pois não estava me sentindo bem. Apesar disso, fui em frente e me superei para chegar na segunda posição”, finalizou.

    Vídeo – Melhores momentos da etapa mundial do XTERRA, no Havaí

    14671196_10155451650106110_4839128607703926131_n
    Mauricio Mendez e Flora Duffy sagraram-se os campeões mundiais XTERRA 2016 no último fim de semana.
    Brasileiros fazem bonito: Felipe Moletta ficou entre os 15 primeiros nos profissionais e Guilherme Gonçalves ficou em 3º em sua categoria nos amadores.
    Parabéns guerreiros! Confiram os resultados completos neste link: https://results.chronotrack.com/e…/results/event/event-24496
    Em breve mais sobre a participação brasileira na prova realizada no último domingo, dia 23 de outubro, no Havaí!
    Vídeo:

    Mais de 6 mil pessoas prestigiaram a 1ª edição do XTERRA Brazil no Paraná

    4
    Foram 1.000 atletas e mais de 5.000 espectadores durante os dois dias da etapa Paraná do XTERRA Brazil, que aconteceu no último final de semana (15 e 16 de outubro) na cidade de Ponta Grossa, no Paraná. Além de ter proporcionado um final de semana de muito esporte, aventura e contato com a natureza, o evento promoveu o turismo local, uma vez que 70% dos participantes eram de fora da cidade.
    O evento reuniu nesta edição oito modalidades. Na principal delas, o XTERRA Triathlon, o vencedor foi o paranaense Felipe Moletta, pentacampeão do XTerra Brasil. Em segundo lugar, ficou o também paranaense Henrique Lugarini, seguido de Eduardo Marcolino, em terceiro lugar. Já na XTERRA Marathon, o pódio foi composto pelo paranaense Valdecir Tavares, em primeiro lugar, José Rodrigues, de Indaiatuba (SP), e Geison Ignácio, também do Paraná.
    5
    A etapa serviu também para coroar os campeões anuais de algumas modalidades, casos de Felipe Moletta e Sabrina Gobbo, no XTERRA Triathlon Elite, além de Artur Pedroza, no XTERRA Swim Challenge. Todos os vencedores desta edição, foram contemplados com um tênis da 361º apoiador do evento.
    O XTERRA Brazil edição Ponta Grossa foi uma realização Clube de Aventura, com apoio da Secretaria de Turismo de Ponta Grossa, 361º, SESI, Shopping Palladium Ponta Grossa, Território, Maçã Turma da Mônica, Oakley, Speedo, Exceed e Bike Fit Londrina.
    Sobre o XTERRA:
    O XTERRA é um festival esportivo que possui provas de Triathlon off-road, Night Run, Trail Run, MTB CUP, Swim Challenge, Sup e Kids Mini Corrida, e dá oportunidade a todos os tipos de atletas participarem dessa celebração do bem estar e da qualidade de vida. A cada ano o circuito escolhe novos destinos para apresentar aos guerreiros e proporcionar uma experiência completa de esporte, família e turismo.
    Uma das etapas do circuito XTERRA no Brasil é escolhida para ser classificatória para o XTERRA World Championship, que acontece na ilha de Maui, no Hawaii e reúne os melhores atletas do mundo. O XTERRA Brazil distribui 50 vagas para os mais bem colocados triatletas por faixa etária, masculino e feminino, para a grande final com a nata do triathlon off-road mundial. São reunidos 800 atletas de 32 países para disputar em um percurso extremamente desafiador no terreno vulcânico da ilha americana
     Mais informações: www.xterrabrasil.com.br e www.clubedeaventura.com.br

    MENU