39.0481, -77.4728
  • 9 e 10 de Fevereiro

    Costa Verde 2019

    Mangaratiba - RJ

    -22.949793, -44.074256 Inscreva-se Saiba Mais
  • 08 e 09 de Junho

    Praia do Forte 2019

    Mata do São João – BA

    -12.574687, -38.004731 Inscreva-se Saiba Mais
  • 13 e 14 de Julho

    Agulhas Negras 2019

    Resende – RJ

    Inscreva-se Saiba Mais
  • 28 e 29 de setembro

    Estrada Real 2019

    Tiradentes – MG

    -21.110108, -44.173202 Inscreva-se Saiba Mais
  • 10 e 11 de novembro

    Camp Ilha do Mel

    Ilha do Mel – PR

    -25.517005, -48.334969 Inscreva-se Resultados Saiba Mais
  • 01 e 02 de dezembro

    PARATY

    Paraty - RJ

    -23.212859, -44.711337 Inscreva-se Resultados Saiba Mais
  • x
  • Descontos
  • Cadastro feito com sucesso!

    OK
    x

    Cadastre-se e fique
    por dentro do mundo XTERRA!

    Quais as suas modalidades de interesse?

    x

    Fale conosco!

    Sua mensagem foi enviada com sucesso!

    Campeões do ano no XTERRA Endurance 50k, Gleiciomar Pereira e Vera Saporito comemoram conquista

    16_xterra_brazil_podio_endurance_sabado2
    Disputada entre os dias 24 e 25 de setembro, em Tiradentes, Minas Gerais, a etapa Estrada Real levou o público ao delírio. Ao todo, oito modalidades passaram pela cidade histórica, entre elas o XTERRA Endurance 50k, primeira prova a ser disputada nesta edição. Apesar de não terem vencido a etapa, Gleiciomar Pereira e Vera Saporito possuem motivos de sobra para comemorar. Afinal de contas, com os resultados obtidos ao longo da temporada, garantiram o título do ranking 2016 da concorrida modalidade.
    Segundo colocado na etapa Estrada Real, Gleiciomar lutou até o fim para terminar a competição na primeira colocação. No entanto, mesmo com o segundo lugar, ele se garantiu como campeão do ranking anual. Feito muito celebrado pelo atleta de 39 anos.
    “Foi uma prova complicada para mim. Não me senti muito bem durante o percurso, não desmerecendo o vencedor, que correu muito bem. Fico feliz com essa conquista no ranking. O segredo de tudo isso é treinar, treinar e treinar. Existe um grupo muito forte de atletas chegando e é necessário estar bem preparado para seguir colhendo bons resultados”, disse.
    Muito conhecida entre os participantes do XTERRA Brazil, Vera Saporito levou para casa mais um grande troféu.  Mesmo com a 14ª colocação, Vera mostrou-se contente com a organização e como o tratamento despendido aos participantes da prova.
    “Foi uma prova muito quente, apesar de ser um pouco mais rápida. Foi uma etapa excelente, com ótima hidratação para os atletas. Já esperava uma colocação um pouco pior nessa edição, já que sempre tive dificuldades para correr aqui. Gostaria de dar os parabéns para os organizadores do XTERRA Brazil pela excelente estrutura disponibilizada. Fico muito feliz com esse título e pretendo fazer ainda mais nas próximas etapa”, afirmou.

    Com apoio da família, Laura Mira se supera e vence o XTERRA Duathlon, na etapa Estrada Real

    laura-mira-campea-duathlon
    Figura de destaque dentro do XTERRA Brazil, a mineira Laura Mira conquistou no último sábado (24), uma das maiores vitórias de sua carreira. Especialista no XTERRA Triathlon, Laura deixou a natação de lado e foi em busca de uma boa colocação no XTERRA Duathlon – corrida + mountain bike + corrida, disputado na etapa Estrada Real, em Tiradentes (MG). Com o apoio maciço de sua família, ela superou seus limites e deixou para trás as fortes Sabrina Gobbo e Isabella Ribeiro para subir no lugar mais alto do pódio.
    Visivelmente emocionada ao fim da exaustiva prova, Laura agradeceu toda a força dada por sua família, em especial por seu pai Miguel.  Para ela, as boas energias levadas pela torcida lhe ajudaram a alcançar e superar suas oponentes que passaram na frente na última parte do percurso.
    “Foi uma vitória muito, mas muito desejada mesmo.  Por isso aconteceu isso tudo. Pensei neles (família) o tempo inteiro, por isso tirei forças de onda não tinha para conseguir vencer a prova.  Estava muito calor, mas esqueci todas as adversidades e foquei apenas em conquistar a vitória e comemorar com os meus familiares”, explicou.
    9af726acc724173a8a58e34688c2ef093a709f6e55521e579apimgpsh_fullsize_distr

    (Laura Mira comemora ao lado dos familiares)

    Mesmo com diversas vitórias importantes no seu extenso currículo, Mira enalteceu a primeira colocação no XTERRA Duathlon, que não é uma de suas especialidades.
    “Sem dúvidas é para ser muito celebrado (o primeiro lugar). O circuito já está chegando na parte final, os atletas já começam a ficar muito desagastado e cada etapa é uma grande batalha. O Duathlon não é uma prova totalmente minha, já que tenho na natação uma das minhas principais forças.  Apesar disso, minha torcida fez toda a diferença e pude ganhar novamente dentro do meu Estado”, concluiu.

    Jovadir Júnior comemora excelente marca no XTERRA Endurance 50k, em Tirandetes (MG)

    16_xterra_estrada-real_sabado_endurance_2
    O termo “voar baixo” pode ser perfeitamente aplicado a Jovadir Júnior, campeão do XTERRA Endurance, na etapa Estrada Real, em Tiradentes, no último dia 24 de setembro.  Nem mesmo o fato de ter que correr 50km sob forte sol foi suficiente para tirar a tranquilidade do paulista. Com um ritmo forte e constante, Jovadir venceu a prova com a excelente marca de 4h08m37s. A expressiva marca fez com que ele ficasse cerca de 32 minutos à frente do segundo colocado.
    Contente pela conquista, Jovadir não escondeu sua satisfação com a primeira conquista em etapas do XTERRA Brazil. Ex-maratonista profissional, ele atribui a ótima performance à sua rotina diária.
    “É minha primeira vitória no XTERRA Brazil e estou muito feliz. Eu fui maratonista profissional, mas em 2014 parei de competir. Após isso, virei professor de corrida e passei a rodar de 60 a 90km por dia. Eu moro numa região com muitas montanhas (Bragança Paulista – SP) e isso ajuda nos treinamentos e nas boas marcas que venho alcançando”.
    16_xterra-brasil_estrada_real_50km-21

    (Jovadir Júnior brilhou durante o percurso do Endurance no XTERRA Estrada Real)

    Após abandonar as maratonas profissionais, Júnior passou a dedicar-se às corridas de uma nova forma. E reencontrou, por meio de suas aulas, o prazer de correr. Com mais de 40 alunos em seu grupo, o corredor não quer parar novamente e já visa novos troféus.
    “Eu trabalho de uma forma bem personalizada. Atualmente tenho cerca de 40 alunos. Pelo fato de fazer um programa bem individualizado, isso me ajuda nos treinamentos e também me dá uma excelente base para as competições. Pretendo seguir nesse ritmo e conquistar ainda mais vitórias em provas do XTERRA Brazil”, completou.

    Em fim de semana cercado de emoção, XTERRA Estrada Real é sucesso de público e agita cidade histórica de Tiradentes (MG)

    largada-xterra-endurance
    Uma das edições mais esperadas da temporada do circuito XTERRA Brazil Tour 2016, a etapa de Estrada Real, realizada neste fim de semana (24 e 25 de setembro), mostrou na prática o motivo de tamanha procura. Ao todo, mais de cinco mil participantes se dividiram em oito modalidades. A cidade histórica de Tiradentes, em Minas Gerais, sede de competição, viveu dias de muita adrenalina e animação. Com presença maciça do público, os inscritos deram exemplos de esportividade e superação. As atividades foram iniciadas na sexta-feira (23), com os simpósios das modalidades, e se estenderam até a tarde de domingo (25).
    Primeira prova no cronograma da competição, o XTERRA Endurance já dava, no sábado, mostras do que seria o evento. Cerca de 250 corredores largaram pela manhã para o árduo trajeto de 50km. Sob sol forte e muitos gritos da torcida, os atletas provaram, mais uma vez, serem verdadeiros guerreiros.  Os primeiros a cruzar a linha de chegada foram: Jovadir Júnior, entre os homens, e Rosália de Camargo, entre as mulheres. As vitórias, no entanto, não foram suficientes para que eles ficassem com o troféu de campeão do ranking anual. Gleiciomar dos Santos e Vera Saporito foram os grandes campeões do ano na modalidade.
    Segunda prova do XTERRA Estrada Real, o XTERRA Duathlon reservou grandes emoções ao público que lotava o XTERRA Village. O equilíbrio marcou a disputa desde os primeiros momentos. Muito bem preparados, os participantes iam revezando-se nas primeiras colocações da prova. No último trecho da disputa, Marcelo Sebastião tinha uma boa distância sobre os adversários. Usando sua experiência, o mineiro, de 37 anos, conseguiu manter sua vantagem e conquistar o troféu da etapa. Entre as mulheres, uma reviravolta marcou a última passagem. Impulsionada pelo apoio da família, Laura Mira forçou muito, deixou o cansaço, Sabrina Gobbo e Isabella Ribeiro, para trás e conquistou uma emocionante vitória.
    À tarde, o show foi das crianças. Animadas com as presenças dos familiares, elas não fizeram feio e prenderam a atenção do público que vibrou muito com cada passada do XTERRA Kids Mini Corrida. Fechando a noite de sábado, as corridas noturnas foram o ponto alto do evento, como um todo. Centenas de participantes se aglomeram para as largadas do XTERRA Half Night Run (21,7k) e do XTERRA Short Night Run (9,7k).  Além das belíssimas imagens proporcionadas pelas lanternas, o que se viu foram disputas bastante acirradas. Destaques para Rinaldo Daniel da Silva e Myrna Silva, campeões do XTERRA Short Night Run, e João Francisco da Silva e Débora Cristiane dos Santos, vencedores do XTERRA Half Night Run.
    Último dia do evento, o domingo reservou suas emoções e atenções para os atletas do Mountain Bike. Primeiro, os inscritos no XTERRA MTB Cup, Pro e Sport, 42,4k e 34,3k, respectivamente, largaram do Centro Histórico de Tiradentes (MG) para desbravar o percurso de Estrada Real. Adrenalina de sobra, muitas subidas e descidas marcaram a prova. Ao fim, Lukas Kaufmann e Rodrigo Tito, venceram entre os homens, e Erika Gramiscelli e Juliana da Silva, entre as mulheres. Encerrando o emocionante fim de semana de competições, o XTERRA MTB Enduro, que teve atividades no sábado e domingo, coroou Diego Knob e Patricia Loureiro como grandes vencedores.
    XTERRA Estrada Real – Tiradentes (MG)
    24 e 25 de setembro de 2016
    Resultados:http://www.xterrabrasil.com.br/tour-2016/resultados-estrada-real/

    Ao lado do filho, Vinicius Flores comemora bom desempenho na XTERRA Half Trail Run, em Ilhabela

    2
    Ao lado do filho, Vinicius Flores comemora bom desempenho na XTERRA Half Trail Run, em Ilhabela (SP) A poucos metros de cruzar a linha de chegada do XTERRA Brazil, em Ilhabela (SP), Vinicius Flores teve uma grata surpresa ao. Seu maior fã o esperava para completar junto os 21,3 km da XTERRA Half Trail Run. O “acompanhante” em questão não era um qualquer, mas sim seu filho Eduardo Miguel, que aguardou ansiosamente por quase duas horas até ter seu pai no campo visual. O exemplo de companheirismo e amor de pai para filho emocionou a todos os presente no XTERRA Village e serviu para comprovar que o maior evento de esportes off-road do mundo é muito mais do que um evento esportivo e preza muito pelas relações interpessoais e familiares.
    Orgulhoso pela participação e pela iniciativa do filho, Vinicius fez questão de elogiar a organização do evento por mais uma prova bem-sucedida. Líder da Vida Sports, o paulista também falou sobre sua experiência no XTERRA Brazil e disse que tem o objetivo de levar cada vez mais alunos às etapas da competição.
    “Primeiramente, gostaria de parabenizar a toda organização do XTERRA Brazil. Foi uma prova top, sem dúvidas. É o terceiro ano que venho e faço questão de trazer meus alunos. Esse ano trouxe mais de 60 atletas. Tenho como objetivo trazer ainda mais atletas para vivenciarem toda essa estrutura, É uma experiência enriquecedora em todos os aspectos.Foi uma prova sensacional”, disse.
    Tímido, Eduardo fez questão de reiterar seu carinho pelo pai/atleta. Empolgado com o que viu, ele promete seguir os passos do paizão nas corridas: “Eu fico feliz por ter corrido com o meu pai. Gosto muito de acompanhar ele em todas as provas. Ele corre muito bem. É meu herói. Meu sonho quando crescer é também poder correr e ganhar muitas medalhas”, encerrou.

    Guerreira XTERRA Havaíana experimenta os desafios de Ilhabela

    Viajar pela América do Sul, conhecer a patagônia, ir aos jogos olímpicos do Rio e de quebra participar do XTERRA Ilhabela. Quem não gostaria?
    Pois foi isso que fez Tina Burgos, havaiana natural de Honolulu que atualmente mora no estado do Texas e é assídua participante do circuito XTERRA.
    “Já competi no Havaí, Texas, Nebraska…sempre que viajo tento conciliar com alguma prova XTERRA e felizmente tive essa coincidência na minha ida ao Brasil”, relata a atleta.
    Após conhecer a patagônia argentina e ir aos jogos de futebol nas olímpiadas, esporte que também pratica desde criança, Tina teve ótimo desempenho em Ilhabela e foi ao lugar mais alto do pódio em sua categoria no Short XTERRA Triathlon. Acostumada com paisagens mais planas e com natação em rios ou lagos, ela relata um pouco as dificuldades que encontrou no famoso percurso de Ilhabela.
    WhatsApp Image 2016-09-01 at 10.45.38
    “Uma prova extremamente rápida e íngreme, cruzando partes com água e descidas como downhill. Realmente muito diferente e desafiador frente ao que encontramos por aí”, conta Tina, que também se encantou com a hospitalidade brasileira e cumplicidade entre os participantes – “Em todos os trechos as pessoas incentivam e conversam, cada um dando força um ao outro. Isso é comum em outros XTERRA e ainda mais forte aqui no Brasil”.
    Com o sonho de também correr um XTERRA na Europa, Tina sugere com bom humor uma alteração na prova brasileira: “Essa distância Short poderia ser considerada apenas XTERRA Ilhabela, e quando chegar a vez da etapa mundial e com distâncias longas, podem chamar de 2x XTERRA Ilhabela, tamanha a dificuldade dos percursos”, finaliza.

    Tempo bom e animação de sobra: Volta do XTERRA Brazil a Ilhabela (SP) tem provas disputadas e muita superação entre os participantes

    IMG-20160828-WA0057
    Pela segunda vez neste ano, a cidade de Ilhabela, situada no litoral norte de São Paulo, virou capital brasileira dos esportes outdoor. Tudo porque entre sábado e domingo (27 e 28), o município abrigou as emoções do XTERRA Brazil Ilhabela II. A tradicional parceria rendeu mais um fim de semana bem-sucedido. O sol a pino aliado com uma contagiante animação dos participantes ditaram o ritmo das seis modalidades programadas para o evento. Destaque para o XTERRA Enduro, que teve muita adrenalina e descidas radicais em sua segunda aparição no festival.
    Um dos carros-chefes do evento, o XTERRA Triathlon voltou a agitar a rotina dos moradores da Ilha. Desta vez, a população ilhabelense teve a oportunidade de assistir de perto uma versão reduzida e para lá de empolgante da modalidade. O Short XTERRA teve muita superação e velhos conhecidos no lugar mais alto do pódio. Líderes disparados do ranking do XTERRA Triathlon, Felipe Moletta e Sabrina Gobbo não deram chances aos oponentes e conquistaram mais uma importante vitória rumo ao título anual. Classificados para a etapa mundial do XTERRA, eles também estão em preparação para a prova que vai acontecer em outubro, no Havaí.
    Importantíssimas na programação do XTERRA Brazil, as corridas de trail run, novamente, conseguiram suprir as expectativas da organização e do público. Lutando passo a passo por lugares destacados na colocação final, centenas de corredores deram início às agradáveis, mas não menos difíceis, provas do XTERRA Half Trail Run (21,3km) e XTERRA Short Trail Run (8,3km). O ensolarado dia de sábado combinado a um receptivo caminho por dentro da mata, deixaram sensações memoráveis aos inscritos. Ao fim do trajeto, vitórias para Adailton dos Santos e Geisla dos Santos, no percurso de 21,3km e Welerson Pires e Elaine Andrade no de 8,3km.
    IMG-20160828-WA0052

    (Público marcou presença no XTERRA Village, em Ilhabela (SP))

    Encerrando a noite de sábado, o XTERRA Night Swim Challenge foi um espetáculo à parte e mostrou o motivo de ter sido uma das provas mais concorridas desta edição. Em clima de muita alegria, os nadadores se jogaram ao mar com a certeza de uma prova diferente. Os light sticks acoplados nas tocas dos nadadores formaram um lindo efeito e permitiram aos espectadores imagens belíssimas. Ao fim dos aproximadamente dois quilômetros de prova, nenhuma surpresa. Artur Pedroza, entre os homens, e Beatriz Puciarelli, entre as mulheres, fizeram bonito mais uma vez. Com ótimos tempos, eles conseguiram vencer a concorrida competição e dar mais uma “braçada” em direção ao título anual de suas respectivas categorias.
    Cercado de grande expectativa por parte dos competidores, o XTERRA Enduro nem de longe decepcionou a legião endureira que pegou a estrada com o intuito de conseguir um fim de semana eletrizante. As ótimas condições climáticas favoreceram uma acirrada disputa e descidas alucinantes. Praxe em competições do XTERRA Brazil, a Kids Mini Corrida voltou a Ilhabela no sábado. Acompanhados por pais entusiasmados e ávidos por verem o desabrochar de seus filhos no esporte, os jovens, de 1 a 13 anos, deram um verdadeiro show para o público que esteve presente ao XTERRA Village.
    Confira todos os resultados em http://www.xterrabrasil.com.br/tour-2016/resultados-ilhabela/

    MENU